Colônia de exploração e suas características que as definem assim.

  • Posted on outubro 11, 2011 at 19:41

DCampo de algodão  colônia de exploraçãoesde que se estabeleceu o sistema de colonização, o mais utilizado pelos europeus foi a colônia de exploração, sendo aplicado durante séculos em vários continentes do planeta. Os portugueses usaram este estilo de colonização no Brasil e na África, os espanhóis na América Latina, e os ingleses no Sul da América do norte.

A colônia de exploração tem como principal característica o uso da mão de obra escrava, o que tornou lucrativo durante muito tempo este método de colonização, pois os escravos comprados no litoral africano rendiam e muito em seu trabalho, trazendo o retorno esperado por seu proprietário. Outra grande característica deste estilo de colônia são os latifúndios, ou seja, o uso de grandes propriedades de terras, onde era escolhido um produto principal para cultivo, no caso do Brasil foi a cana de açúcar e posteriormente o café, no Sul das treze colônias inglesas o algodão.

Foram grandes as dificuldades de se implantar o sistema de colônia de exploração no Brasil, afinal em primeiro momento os portugueses irão Índios escravos no Brasil quando colônia de exploraçãousar a mão de obra escrava indígena na retirada do pau-brasil, mas logo eles vêem que os índios não se submetem ao regime de escravidão. Até o dia de hoje os índios são vistos por muitos como preguiçosos e alcoólatras, pois tomam pinga até cair. Na realidade os povos indígenas possuíam antes da chegada dos europeus, o seu próprio ritmo de trabalho, não tinham compromisso com um tempo determinado como seus exploradores desejavam. E é importante lembrar que quem ensinou os índios a consumir bebida alcoólica foi o homem branco.

Não se tem ideia de quantos índios foram caçados e mortos em todo oEscravidão- característica da colônia de exploração continente americano por não se submeterem a escravidão, mas o método de colônia de exploração passa a ter mão de obra importada, isto é, africana. Como já disse no artigo sobre a escravidão na África, os portugueses irão se aproveitar do espírito de rivalidades existentes entre as tribos e irão comprar escravos de etnias diferentes e colocá-las para trabalharem juntas, o que evitaria por muito tempo insurreições e possíveis revoltas em grupo.

 

Deixe uma resposta