Amar não é pecado quando feito ao padrão divino

  • Posted on junho 22, 2012 at 18:24

Durante séculos foi propagada a mentira de que a primeira relação sexual entre Adão e Eva é que trouxe o pecado ao mundo, o que não confere segundo a ordem divina em Gênesis 1: 28 que diz: “E Deus os abençoou e lhes disse: Frutificai e multiplicai-vos, enchei a terra,….”. Desta maneira amar não é pecado quando feito aos moldes divinos, ou seja, quando peço a Deus que me dê a pessoa certa no tempo certo e não busco caminhos que podem ser perigosos para a minha vida presente e futura.

Quantas pessoas usam a desculpa de que não são donos do seu coração, músicas, filmes e novelas desvirtuam de forma depravada o amor que Deus deixou para a felicidade e bem estar da humanidade, pois espalham a ideia de que você deve seguir seus sentimentos e amar não é pecado, mesmo quando famílias são desfeitas por aventuras adúlteras. Quantas vezes acompanhamos casos de mortes devido à traição, onde temos o caso recente do empresário e proprietário da Ioki que foi assassinado por sua esposa quando descobriu que ele a traía. Amar não é pecado quando você se mantém nos padrões divinos do relacionamento proposto por Deus, onde deve haver o casamento, relacionamento, sexo e em consequência felicidade à três, sendo Deus, o homem e a mulher e não o vizinho ou a vizinha.

 

Deixe uma resposta